quarta-feira, 8 de abril de 2009

Reino Unido reconhece casais lésbicos em certidões

No Reino Unido, filhos de casais de lésbicas terão o nome das duas mães na certidão de nascimento:

Agora, mulheres lésbicas em parceria civil, que engravidarem por fertilização in vitro, são legalmente reconhecidas nas certidões de nascimento. A nova lei do Reino Unido dá mais um passo em favor da igualdade entre casais heterossexuais e homossexuais na hora em que forem registrar seus filhos.

A lei também se aplica a casais de lésbicas que não estejam em parceria civil, desde que haja consentimento de ambas as parceiras. A decisão será expandida em abril de 2010, quando casais de homens que recorrerem à barriga de aluguel para ter filhos poderão os dois serem reconhecidos como pais da criança.

Katie Hanson, membro da LGBT Labour (organização trabalhista em prol da igualdade da comunidade LGBT), comemorou a decisão. “Essa nova lei significa que lésbicas em parceria civil que quiserem criar filhos concebidos por fertilização in vitro, automaticamente, terão o mesmo status e proteção legal que os casais heterossexuais", disse.

In Dykerama

1 comentário:

Adoa disse...

Isto sim é uma grande notícia!